O Palmeiras está nas quartas de final da Copa Libertadores da América pela primeira vez desde 2009. O Verdão jogou mais de 90 minutos com um a menos, mas teve um espetáculo de mais de 33 mil pessoas no Allianz Parque e mesmo com a derrota para o Cerro Porteño-PAR por 1 a 0, conquistou sua classificação graças ao resultado obtido em Assunção.

O árbitro Germán Delfino, do jogo entre as equipes da SE Palmeiras e C Cerro Porteño, durante partida valida pelas oitavas de final (volta), da Copa Libertadores, na Arena Allianz Parque.

O árbitro Germán Delfino, do jogo entre as equipes da SE Palmeiras e C Cerro Porteño, durante partida valida pelas oitavas de final (volta), da Copa Libertadores, na Arena Allianz Parque.

Com o passaporte para a próxima fase garantido, o adversário será o Colo Colo do Chile, com o primeiro jogo em território chileno.

Confira a ficha técnica da partida.

PALMEIRAS 0 X 1 CERRO PORTEÑO

Data: 30 de agosto de 2018, quinta-feira
Local: Allianz Parque, em São Paulo-SP
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: German Delfino (ARG)
Assistentes: Hernan Maidana (ARG) e Gabriel Chade (ARG)
Público: 33.204 torcedores
Renda: R$ 2.913.369,38

Cartões amarelos: Edu Dracena (PALMEIRAS); Churín, Ecobar, Novick, Jorge Rojas, Palau (CERRO PORTEÑO)
Cartão vermelho: 
Felipe Melo e Deyverson (PALMEIRAS); Marcos Cáceres (CERRO PORTEÑO)

GOL
CERRO PORTEÑO: 
Arzamendia, aos 11 minutos do segundo tempo

PALMEIRAS:
Weverton; Mayke, Antônio Carlos, Edu Dracena e Diogo Barbosa; Felipe Melo, Bruno Henrique e Moisés (Jean); Willian (Deyverson), Dudu e Borja (Thiago Santos)
Técnico: Luiz Felipe Scolari

CERRO PORTEÑO:
Silva; Raúl Cáceres, Marcos Cáceres, Escobar e Arzamendia; Victor Cáceres (Nelson Haedo Valdez), Palau e Rodrigo Rojas (Novick); Óscar Ruíz, Churin e Jorge Rojas (Jorge Benítez)
Técnico: Fernando Jubero